quinta-feira, 12 de maio de 2011

133.


Foto de M

Pareceu-me curioso de mim.
Deslizava sobre as águas do lago, tão bonito na sua plumagem de alvuras, o bico bem fechado guardando silêncios, o olho pequeno a espreitar-me por detrás das pedras luminosas a arderem na indolência da tarde. E eu ali em artes de malabarismo, a tentar segurá-lo dentro do visor da máquina fotográfica onde sorriam memórias vivas de cisnes moldados em espuma de sabão pelas mãos da minha mãe. Como flutuavam leves na água dos meus banhos de menina!
O motivo do seu interesse por mim não sei, mas, estando metade do meu rosto encoberta pela máquina fotográfica, não me custa imaginar que talvez pensasse que também eu tinha um olho de cada lado da cabeça.
M

6 comentários:

Marizei disse...

Lindo cisne! maravilhosa captação

:)

viajante disse...

Pareceu-me... que esta foto (e ainda não visitei o PPP)deveria estar noutro local. E possivelmente estará.
Muito bonita.

viajante disse...

Pareceu-me já ter vindo aqui comentar.
Pareceu-me que um misterioso Ser, de apelido Blogger, andou por aí a "chatear o pessoal".
Pareceu-me enfim que esta foto é linda e que lá, no outro lado, tem companhia a preceito.

Justine disse...

Os animais estão mais próximos de nós do que por vezes imaginamos! O cisne "pensou", certamente, que tu eras uma igual - e eras!

bettips disse...

No calor duma tarde
o branco da neve.

heretico disse...

um Principe, claro!

belissimo o texto...

beijos